Transporte coletivo passa a ser liberado para toda a população a partir desta segunda-feira (18)

O Transporte Coletivo Urbano de Cascavel volta a circular nesta segunda-feira (18) próximo da normalidade, para toda a população. A frota passará a operar na maioria das linhas das 6 horas às 20 horas (algumas um pouco antes), ainda de segunda a sábado e sem funcionamento aos domingos e feriados, conforme proposto na reunião do COE (Centro de Operações Especiais) de quarta-feira (13) pela Cettrans/Transitar e deliberado pelo grupo, com regulamentação no Decreto Municipal DECRETO 15_441 , que altera dispositivos do Decreto nº 15.421, que será publicado em edição extraordinária no Órgão Oficial de amanhã (18).

Continua suspenso, por tempo indeterminado, a opção meio passe no cartão de estudantes, uma vez que ainda não houve deliberação para o retorno das aulas nas redes pública e privada. Caso os jovens tenham cartão Express, podem utilizar o transporte ou passar com a opção VT (R$ 4,10), contudo, não está recomendado, por medida de saúde, que pessoas abaixo de 14 anos usem o transporte coletivo.

Também não é recomendado o uso do transporte coletivo por pessoas idosas, contudo, caso o idoso necessite do transporte, o cartão gratuidade será liberado somente fora dos horários de pico, ou seja, no período das 9 horas às 11 horas e das 14 horas às 16 horas – igualmente por medida de proteção à saúde, quando há menor aglomeração.

A divisão de Transporte da Cettrans/Transitar já disponibilizou as novas tabelas de horários para atender ao novo decreto no site da Companhia, no endereço www.cettrans.com.br, na aba tabelas de horários e itinerários.

Medidas sanitárias continuam em vigor

O Decreto mantém em vigor medidas sanitárias que vinham sendo adotadas conforme as recomendações do COE para evitar a propagação do coronavírus. O uso de máscara facial continua sendo obrigatório para acessar os ônibus, que devem rodar com no máximo 50% da capacidade de cada veículo, conforme especificações do fabricante.

Além disso, as empresas concessionárias de transporte coletivo também devem garantir que os passageiros manterão distanciamento mínimo, com sinalização no chão dos ônibus, além de disponibilizar álcool gel 70%.

Também é de responsabilidade das empresas a continuidade da profilaxia nos veículos nos transbordos nos terminais e nas garagens, mantendo as janelas abertas para ventilação adequada, visado evitar o contágio dos passageiros.

Descumprimento do Decreto deve ser denunciado

A Cettrans/Transitar abriu um canal exclusivo para receber informações quanto descumprimento do decreto municipal em relação ao transporte coletivo, no que diz respeito às medidas sanitárias. O objetivo é garantir que o transporte seja feito com responsabilidade e segurança para a população.

Denúncias podem ser feitas pelo número (45) 99984-7201. Podem ser enviadas fotos e vídeos, preferencialmente de até 15 segundos, como meio de provas.